Cultivo

Como saber se sua semente de maconha está boa

Infelizmente, nem toda semente faz jardim. Aqui, vamos contar o que você precisa saber para descobrir se a sua semente de maconha está boa para plantar.

A não ser que você seja adepto da clonagem, todo cultivo começa com uma semente. Esses pacotinhos valiosos carregam materiais genéticos selecionados e aprimorados, ciclo após ciclo, por breeders e cultivadores ávidos por boas plantas. Mas nem toda semente tem potencial para virar uma maconha lindíssima e saudável! Por isso, antes de começar o processo de germinação, o ideal é sempre testar toda semente de maconha para saber se ela está boa ou não.

De armazenamento incorreto até imaturidade: existem diversos fatores que podem influenciar a viabilidade da sua sementinha. Além, é claro, da quantidade de pessoas de má índole que dão golpe por aí vendendo pacotes estragados na internet! Tudo isso pode atrapalhar seu cultivo, fazer você perder dinheiro e acabar sendo bem frustrante.

Se você ganhou algumas sementes de alguém, encontrou algumas no prensado ou comprou um pacote de um banco de sementes, essas dicas mostrarão como escolher apenas as melhores. Vem com a gente!

 

Quais as características de uma boa semente de maconha?

semente de maconha
Uma breve avaliação pode dizer muito sobre sua semente. Imagem: Girls in Green.

Embora sejam bem variadas, geralmente você consegue avaliar a viabilidade de uma semente só de observar suas características físicas. 

As sementes de maconha podem ir de verde a marrom. Eles também apresentam diversidade em formato e tamanho, com alguns espécimes pequenos e esféricos, e outros grandes e pontiagudos.

Por conta da extensa variação genética que temos hoje em dia, a maioria das plantas modernas de maconha exibem características únicas, dependendo de sua linhagem. Os criadores selecionam sabores, aromas e efeitos desejáveis ​​das linhagens parentais, que são então transmitidos para a prole. Então, as sementes também mudam ligeiramente à medida que nascem novas variedades híbridas.

Entretanto, mesmo com tantas diferenças, ainda conseguimos reconhecer alguns pontos em comum entre sementinhas saudáveis. Vamos falar sobre eles?

 

Procure por uma coloração marrom

semente de maconha
Sementes em marrom, claras ou escuras, são saudáveis e maduras. Imagem: Girls in Green.

As sementes de maconha saudáveis ​​e viáveis ​​apresentam uma cor marrom, às vezes mais clara, às vezes mais escura. Algumas sementes têm tonalidades mais uniformes, enquanto outras apresentam listras tigradas ou mesmo padrões de casco de tartaruga. É lindo de observar!

Qualquer semente que se enquadre nessa faixa de cores mostra-se promissora. Mudanças de cor dentro desse espectro ocorrem principalmente devido a fatores genéticos, mas variáveis ​​ambientais também desempenham um papel. Algumas sementes adquirem um tom mais escuro depois de serem embaladas por vários meses. Umidade, iluminação e oxidação também levam a uma leve mudança na aparência.

Atenção quando: as sementes de maconha apresentam uma coloração verde. Tons de verde são um sinal de que o produtor colheu suas sementes muito cedo. Esse aspecto significa que as sementes não tiveram o tempo necessário para se desenvolver adequadamente, colocando-as em maior risco de não germinar. Já sementes esbranquiçadas podem estar velhas e secas.

 

Tamanho e forma ideais

Assim como a gente, as sementes de maconha saudáveis ​​vêm em todas as formas e tamanhos. Algumas cultivares produzem sementes pequenas. Apesar do tamanho, essas sementes são totalmente viáveis ​​quando apresentam outros indicadores de boa saúde, como cor e idade adequadas.

Enquanto isso, outras sementes saudáveis podem ter uma aparência grande e inchada. Às vezes, isso acontece por conta da composição genética. Outras vezes, altos níveis de cálcio e magnésio podem aumentar a circunferência da semente.

Apesar das diferenças de tamanho, as sementes saudáveis ​​compartilham um formato semelhante. Elas tem um corpo em forma de lágrima, redondo em uma extremidade e afunilado na outra. As sementes que fogem muito desse formato podem possuir falhas genéticas: se forem muito planas ou deformadas, podem ter problemas para germinação e gerar plantas abaixo da média.

 

Semente de maconha saudável tem brilho

semente de maconha
Veja como as sementes de qualidade brilham! Imagem: Girls in Green.

A qualidade de casca de suas sementes também ajuda a entender se ela é viável ou não. Sementes saudáveis ​​apresentam um leve brilho em suas cascas, como se fossem polidas com cera. Já as sementes não saudáveis ​​parecem opacas e foscas em comparação. 

Se puder escolher, opte por sementes cerosas e brilhantes.

 

A idade da semente conta muito

Idealmente, quem já cultiva há um tempo prefere sementes com menos de um ano quando se trata de semear. Esses espécimes mais frescos germinam com facilidade e são menos propensos a dar problemas. Isso porque o armazenamento inadequado também pode prejudicar as sementes, e, quanto mais o tempo passa, menos viáveis elas se tornam.

Aqui, a gente fala sobre como armazenar sementes da forma correta!

As sementes de maconha não possuem uma longevidade tão grande, mas produtores geralmente conseguem bons resultados sementes de duas a três temporadas anteriores. 

“Mas ei, como saber a idade de uma semente de maconha?”

Temos um teste simples pra isso! Coloque a semente entre o polegar e o indicador e aperte. Sementes jovens e saudáveis serão firmes e não vão ceder à pressão. As sementes mais velhas podem parecer um pouco moles, e as sementes velhas e secas podem até se quebrar ou rachar.

 

Teste suas sementes de maconha com água

Suas sementes de maconha flutuam ou afundam na água?

Depois de analisar todas essas características que falamos nas suas sementes, você pode fazer mais um teste para determinar sua qualidade. Embora tenha gente que diga que ele não é certeiro, o teste de flutuação pode ajudar você a ter uma ideia do quão boas estão as sementes que você tem por aí. 

Passo a passo:

  1. Encha um copo com água e jogue suas sementes lá dentro. 
  2. Deixe suas sementes na água por algumas horas, ou até de um dia para o outro. 
  3. As sementes que afundam estão saudáveis ​​e prontas para germinar. 

Dica: faça esse teste logo antes da germinação. Armazenar sementes molhadas pode resultar em podridão e mofo, o que vai fazer você perder as bonitinhas. Descarte sementes que boiaram. Elas provavelmente não irão germinar, ou podem dar origem em plantas de baixa qualidade.

 

O teste final: germine as suas sementes de maconha

Botar suas sementinhas para crescer é o último teste de qualidade. Imagem: Girls in Green.

Por vezes, mesmo selecionando muito bem cada sementinha, nem todas irão germinar. Tudo bem né, faz parte! 

Cultivos em grande escala normalmente não têm tempo para analisara a qualidade de cada espécime que irão colocar no chão. Por outro lado, o pessoal que cultiva menos plantas geralmente joga tudo direto no solo para ver no que que dá. 

Entretanto, a gente acredita que germinar as sementinhas antes de jogá-las na terra aumenta a sua chance de sucesso. A gente já ensinou o tutorial completo aqui, e você só vai precisar de alguns pratos, papel toalha, água e um local escuro e seco para que as sementes estourem e comecem a se desenvolver.

 

E então, curtiu as nossas dicas? A gente espera que elas sejam úteis na hora de avaliar quais sementes usar e quais não vão dar um bom resultado. É claro que boa parte dessa experiência vem com o tempo e a observação, mas esses são bons pontos para quem está começando e deseja ter algumas orientações bem básicas.

Se você gosta do nosso conteúdo, não esqueça de nos seguir lá no Instagram @girlsingreen710 para estar sempre de olho no que estamos aprontando. Tem temáticas que vão desde o cultivo até o haxixe, bem como métodos de reduzir danos e fazer um consumo bem consciente.

Até a próxima!

 

Editado em: 29 de fevereiro de 2024.

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
mateus
mateus
1 ano atrás

e como eu saberia qual semente é a femea e a outra é masculina ?