Cultura

COMO PARTICIPAR DE UMA COPA DE HAXIXE?

Afinal, como faz para participar de uma Copa de Haxixe—seja como concorrente ou jurado? Aqui, a Alice Reis dá dicas que foram importantes para desenvolver sua participação em competições!

Conforme as competições canábicas se desenvolvem e ficam cada vez maiores, muita gente se pergunta: afinal, como fazer para participar de uma Copa de Haxixe? Seja a Emerald Cup, a Masters of Rosin, ou a Dab-a-Doo—existem algumas pequenas (grandes) sabedorias que só quem já participa faz tempo já sacou e pode oferecer. Por isso, fomos direto a nossa fonte-mor e entrevistamos nossa criadora Alice Reis!

A Alice acumula anos não apenas de experiência na arte de fazer um bom haxixe, mas também na arte de colocá-lo no topo nas mais diversas competições do mundo. Por isso, nada melhor do que conversar com ela para entender o que realmente importa quando entramos em uma Copa, como as amostras são julgadas, e quais tipos de amostra tem realmente mais chances de subir ao pódio.

Aqui, confira os conselhos da nossa guru do hash e entenda não apenas como entrar em uma competição, mas como levar o troféu de primeiro lugar pra casa! Bora compreender o que levar em consideração para ter sucesso nessa empreitada?

 

O que saber antes de participar de uma Copa de Haxixe?

Se você deseja participar de uma Copa de Haxixe, existem algumas coisas que são essenciais. De acordo com Alice, tudo isso pode ser resumido na frase: “analise as tendências e saia para jogar o jogo”. Mas o que exatamente isso significa?

Bom, entenda que você deve:

Compreender a dinâmica da Copa

Antes de entrar em uma Copa de Haxixe, é essencial compreender como funciona o evento. Isso envolve entender quem são os jurados, qual é o processo de avaliação e quais são os critérios de pontuação. Ao fazer isso, você pode ajustar sua estratégia para se adequar ao ambiente competitivo. 

Lembre-se de que a competição é mais do que apenas apresentar um produto—é um jogo estratégico. “Às vezes entrar com o seu coração não é tão positivo quanto entrar com a sua cabeça porque, como é um jogo, você tem que pensar e criar estratégias,” explica a hash maker. Então, em vez de simplesmente seguir suas preferências pessoais, é importante considerar o que os juízes estão procurando e adaptar sua abordagem de acordo. Isso significa pensar estrategicamente sobre cada aspecto da sua participação, desde a seleção do produto até a apresentação.

Saber que sim: a primeira impressão fica!

É: a aparência importa demais! Imagem: Janis Olivetti (@janis0livetti).

“A sua extração tem uma primeira impressão muito grande. Então eu acredito que a aparência, infelizmente, tem um papel importante nas Copas, tem um papel mais importante do que eu gostaria que tivesse, inclusive. Agora, o cheiro… você abrir e levar um soco do cheiro, sabe? Faz muita diferença.”

A aparência e o aroma do seu produto têm um impacto significativo na percepção dos juízes. A primeira impressão que sua extração causa pode influenciar fortemente sua pontuação. Portanto, é crucial escolher uma entrada que seja visualmente atraente e que tenha um aroma distinto e agradável. Lembre-se de que os juízes estão avaliando várias amostras e é importante fazer com que a sua se destaque desde o início. Isso significa selecionar cuidadosamente o produto e prepará-lo de uma forma que chame a atenção e desperte o interesse dos juízes.

Analisar as trends do mercado

Para ter sucesso em uma Copa de Haxixe, é fundamental estar ciente das tendências do mercado. Isso inclui identificar quais cepas estão em alta (como a Zkittlez, que vem ganhando vários prêmios), quais características são valorizadas e quais técnicas de produção estão ganhando destaque. Por exemplo, cepas exóticas e tropicais, com aromas intensos e frutados, têm sido muito populares entre os juízes e consumidores.

Além disso, a consistência do produto é cada vez mais importante. Técnicas como o Piattella e o heat tech podem ajudar a destacar o produto através da textura e complexidade. Ao analisar as tendências do mercado, você pode adaptar sua abordagem de produção para criar um produto que se destaque entre a concorrência.

 

E o que saber se você deseja julgar uma Copa de Haxixe?

Alice e Mila Hash Queen na Dab-a-Doo. Imagem: Girls in Green.

Para ser um jurado em uma Copa de Haxixe, é essencial conhecer bem o produto e desenvolver seu paladar. “Não adianta julgar algo que você não conhece profundamente,” ressalta Alice. Também é importante marcar presença na cena, participar dos eventos e fazer seus talentos como apreciador da arte serem reconhecidos!

Além disso, como já contamos por aqui, os pré-requisitos comuns para jurados e juradas em competições de haxixe variam de acordo com cada evento. No entanto, alguns critérios são frequentemente valorizados:

  • Capacidade de consumo: em primeiro lugar, é essencial que os jurados sejam capazes de consumir o produto. Parece óbvio, né? Mas é fundamental experimentar a amostra, mesmo que sem tragar, para poder perceber suas nuances de sabor, aroma e aftertaste.
  • Tolerância ao consumo: além disso, uma alta tolerância ao consumo pode ser vantajosa, especialmente em competições que exigem que os jurados avaliem uma grande quantidade de amostras em um curto espaço de tempo. 
  • Conhecimento profundo do produto: como já falamos, outro pré-requisito importante é o conhecimento aprofundado do produto e a capacidade de diferenciar sua qualidade. Os jurados devem estar familiarizados com uma variedade de cepas, técnicas de extração e características que definem um produto de qualidade.
  • Sensibilidade sensorial: ter um paladar e olfato apurados é crucial para identificar nuances sutis de sabor e consistência. Essas características podem passar despercebidas por pessoas com menos sensibilidade!

Embora nem todos os jurados possuam essas qualidades em seu máximo potencial, Alice ressalta a importância de que todos tenham pelo menos um alto nível de apreciação e compreensão do produto que estão avaliando. Isso é fundamental para estabelecer uma base sólida para o sucesso na avaliação do haxixe em competições.

 

FAQ

O que é uma Copa de Haxixe?

Uma Copa de Haxixe é um evento competitivo onde produtores de haxixe submetem suas melhores extrações para serem avaliadas por um painel de jurados. O objetivo é reconhecer e premiar a excelência na produção de haxixe.

Quais são os critérios de avaliação em uma Copa de Haxixe?

Os critérios de avaliação podem variar entre os diferentes eventos, mas geralmente incluem aspectos como aroma, sabor, aparência, consistência e efeitos do haxixe.

Quem são os jurados em uma Copa de Haxixe?

Os jurados são geralmente pessoas com experiência e conhecimento profundo sobre o haxixe. Eles são responsáveis por avaliar as amostras submetidas e determinar quais são as melhores em cada categoria.

Como os jurados são selecionados?

Os jurados podem ser selecionados com base em sua reputação na indústria do haxixe, experiência prévia em competições ou recomendações de especialistas. Em alguns casos, os organizadores podem realizar um processo de inscrição ou seleção para escolher os jurados.

Quais são os pré-requisitos para ser um jurado em uma Copa de Haxixe?

Os pré-requisitos podem variar! Geralmente incluem a capacidade de consumir o produto em questão e uma alta tolerância ao consumo. Além disso, conhecimento aprofundado do produto e sensibilidade sensorial aguçada são vantagens!

Como os produtos são avaliados durante a competição?

Durante a competição, os jurados realizam uma análise sensorial das amostras submetidas. São avaliados aspectos como aroma, sabor, aparência, consistência e efeitos. Com base nessas avaliações, eles atribuem pontuações às amostras e determinam os vencedores em cada categoria.

Quais são algumas dicas para os participantes que desejam competir em uma Copa de Haxixe?

Algumas dicas incluem entender a dinâmica da competição e considerar a primeira impressão que sua extração causa. Também ajuda analisar as tendências do mercado e criar um produto que se destaque.

Quais são as tendências atuais na produção de haxixe?

Tendências atuais incluem o uso de cepas exóticas e tropicais. Além disso, técnicas de extração inovadoras e ênfase na consistência do produto são importantes. Ficar atualizado com as tendências pode ajudar os participantes a se destacarem em competições.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments